Ideflor-bio celebra 10 anos promovendo o desenvolvimento florestal no estado do Pará

O Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade do Estado do Pará (Ideflor-bio) completou, no dia 16 de abril, 10 anos de existência. A Instituição vem, desde 2007, promovendo o desenvolvimento sustentável dos diferentes segmentos florestais, por meio de políticas e da gestão de florestas no Estado do Pará, além da gestão da biodiversidade e execução das políticas de preservação, conservação e uso sustentável da biodiversidade, fauna e flora terrestres e aquáticas no Estado, garantindo a transparência e a democratização dos benefícios para a sociedade.

Atualmente o Ideflor-bio é gestor de 25 Unidades de Conservação Estaduais e trabalha incessantemente em busca de uma gestão exemplar das florestas públicas, para produção sustentável e da biodiversidade e, ainda a gestão da política estadual para produção e desenvolvimento da cadeia florestal, a execução das políticas de preservação, conservação e uso sustentável da biodiversidade, da fauna e da flora terrestres e aquáticas no Estado do Pará.

Como forma de celebração, o Presidente, Thiago Valente, reuniu os servidores no Instituto, em um momento de confraternização e descontração. Na ocasião, o Presidente elogiou o trabalho realizado por toda a equipe. “O Ideflor-bio jamais chegaria onde está, se não fosse pelos servidores. E isso vale tanto para os que já passaram por aqui, quanto para os que fazem parte do quadro de funcionários atualmente. Hoje o Instituto conta com 150 funcionários e todos eles são essenciais para que o trabalho flua de forma exemplar. Se temos avanços e grandes conquistas, com certeza é fruto do trabalho árduo de toda a equipe.”, disse.

O Ideflor-bio foi criado por meio da Lei Estadual N° 6.963, de 16 de abril de 2007 e modificado pela Lei Estadual Nº8.096/2015, atendendo a exigência da Lei Federal N° 11.284, de 02 de março de 2006, que versa sobre a Gestão de Florestas Públicas. O objetivo dessa legislação é proteger as florestas pertencentes à União, aos estados e aos municípios, bem como regulamentar o acesso a essas áreas, gerando benefícios sociais, ambientais e econômicos.

É uma entidade de direito público, constituída sob a forma de autarquia, com autonomia técnica, administrativa e financeira, sediada nesta Capital e circunscrição em todo o Estado do Pará, tendo por finalidade exercer a gestão das florestas públicas para produção sustentável e da biodiversidade e, ainda a gestão da política estadual para produção e desenvolvimento da cadeia florestal, a execução das políticas de preservação, conservação e uso sustentável da biodiversidade, da fauna e da flora terrestres e aquáticas no Estado do Pará.

✎Texto: Denise Silva / Ascom Ideflor-bio


GALERIA DE FOTOS:

Comentario(1)

  1. Renan Santos diz

    Vida longa ao Ideflor-bio!

Comentários estão desabilitados para este artigo.