Curso de introdução à espeleologia é realizado em Monte Alegre

O Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade do Estado do Pará (Ideflor-bio), através da Gerência da Região Administrativa da Calha norte I (GRCN-I), realizou, entre os dias 25 e 29 de julho, um curso de introdução à espeleologia, ministrado pelo Professor Dr. Roberto Vizeu Pinheiro, da Universidade Federal do Pará (UFPA / Instituto de Geociências), e pelo Geólogo Livaldo dos Santos, da Universidade Federal do Oeste do Pará (UFOPA).

A atividade contou com a participação de 19 condutores das comunidades do entorno do Parque Estadual Monte Alegre (PEMA), com carga horária de 30 horas, divididas entre 16 horas de aulas teóricas e 14 de prática em campo.

Nas aulas teóricas foram abordados conceitos básicos de Geologia de rochas sedimentares, incluindo uma visão geral sobre as rochas expostas na região do PEMA e arredores, além de suas relações com as cavidades e paisagens regionais. Na ocasião, foram apresentadas, de forma esquemática, as principais teorias associadas aos processos de formação de cavernas e arenitos, com enfoque específico para as ocorrências do Parque.

Para a parte prática, a turma foi dividida em dois grupos, que realizaram, separadamente, visitas às cavernas selecionadas, para discussão sobre os temas abordados em sala de aula. Os participantes fizeram uma trilha na Serra do Ererê, com paradas para apresentações sobre os aspectos geológicos e espeleológicos observados no trajeto.

Paralela a esta atividade, os condutores também participaram de 8 horas de aulas de língua inglesa, ministradas por Luíza Xavier Pinheiro, com apresentação específica de vocabulário básico relacionado a prática dos condutores no contexto dos assuntos apresentados no curso de Espeleologia.

Os condutores foram avaliados sobre o conteúdo ministrado e receberam uma cartela plastificada com desenhos esquemáticos sobre os principais assuntos abordados no curso, com explicações bilíngues (português/inglês), que poderá ser utilizada pelos guias durante seus trabalhos de condução de visitantes. Essa cartela tem caráter provisório e deve ainda ser complementada à medida que novas informações possam ser apresentadas aos participantes.

De acordo com a GRCN-I/ideflor-bio está prevista a continuação do referido curso, em um módulo mais avançado, sobre as cavernas e a paisagem local, com complementação bilíngue, além de apresentação de noções básicas de Cartografia de Trilhas e Posicionamento Topográfico de campo.

✎Texto: Denise Silva / Ascom Ideflor-bio


GALERIA DE FOTOS:

Comentários estão desabilitados.