Parque Estadual do Utinga lança aplicativo de celular

Agora o Parque Estadual do Utinga também possui um aplicativo de celular. A ferramenta, chamada Parque do Utinga, tem a função de apresentar todos os serviços que são prestados pelo espaço. Nele, é possível encontrar, por exemplo, os mapas das nove trilhas ecológicas que o Utinga oferece, além de informações como nível de dificuldade, extensão e tempo estimado de percurso.

O aplicativo traz também uma lista com os serviços ecoturísticos que os visitantes podem realizar no Parque, dentre eles a prática do rappel, do boia cross, do tree climbing, do ciclismo e dos esportes náuticos. Os interessados em praticar alguma modalidade esportiva encontram no app uma lista dos condutores autônomos cadastrados e credenciados pelo Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade (Ideflor-bio). Os condutores são apresentados com um breve currículo e contatos para o agendamento das visitas.

Além disso, há ainda informações sobre a infraestrutura do parque e um mapa que aponta a localização dos pontos de referência mais próximos, como o Centro de Acolhimento, a Casa da Mata, o Recanto da Volta e também os Lagos Bolonha e Água Preta.

Segundo o gerente do Parque, Julio Meyer, o aplicativo é uma forma de incentivar ainda mais a interação dos visitantes com o Utinga. “Com todas as informações na palma da mão, é possível oferecer às pessoas que frequentam o espaço uma experiência muito melhor aqui no Parque e, assim, fazer dessas visitas momentos de divertimento, lazer e contemplação da natureza”, explica.

Uma outra funcionalidade do aplicativo é a pesquisa de satisfação. Aqueles que fazem o download do app podem avaliar sua experiência com relação aos diversos serviços e espaços que o Utinga oferece. “Essa é uma forma de nós termos um feed back dos serviços que estão sendo prestados e, assim, buscarmos melhorar cada vez mais”, ressalta Julio Meyer.

E se entre as missões do Utinga está a preservação de uma das maiores biodiversidades da região amazônica, o novo aplicativo é um aliado nessa empreitada. De acordo com o presidente do Ideflor-bio, Thiago Novaes, o app tem um caráter ecológico. “Com ele, nós conseguimos evitar o uso de mapas e informativos impressos que, além de utilizar recursos naturais, podem ser descartados e virar lixo no Parque. Esse aplicativo também é um cuidado com o ambiente”, ressalta.

O aplicativo do Parque Estadual do Utinga já está disponível para download na Play Store dos dispositivos com sistema Android e, em breve, também estará disponível para o Sistema iOs. Para usar, é preciso fazer um breve cadastro ou conectar com o Facebook. O aplicativo pode ser usado também sem conexão com a internet.

Disponível em:

Texto: Dilermando Gadelha – Assessoria de Comunicação Ideflor-bio

Comentario(1)

  1. magno diz

    ta mas cade o link pro aplicativo, a Assessoria de Comunicação nao ta fazendo bem o seu trabalho hen !

Comentários estão desabilitados para este artigo.