Produzir para preservar

O projeto visa produzir mudas de essências florestais e frutíferas nativas a fim de recuperar áreas florestais alteradas nos municípios de Belterra, Mojuí dos Campos e Santarém. Procura-se também capacitar produtores locais para a criação de mudas e implantação de Sistemas Agroflorestais Comerciais – SAFs.
O objetivo é contribuir com o processo de Restauração Florestal do Estado, assim como desenvolver a produção de alimentos e a geração de renda para os agricultores familiares da região abrangida pelo projeto.
Metas:
Recuperar, ao todo, 155 ha;
O viveiro de Belterra também vai atender cerca de 20 produtores de Santarém e Mojui dos Campos.
Produção de 120 mil mudas de essências florestais e frutíferas nativas;
Capacitar 40 técnicos e agricultores familiares para a implantação de Sistemas Agroflorestais, com enfoque no consórcio com o Curauá, e ainda comprometidos com a recomposição do passivo ambiental.
Um hectare por produtor;
Atividades já desenvolvidas:
Reunião de articulações buscando parceiros
Realizados 2 (dois)cursos (1 em Belterra e outro na escola da floresta em Santarém).
Finalizando a revitalização do viveiro.