Estação Ecológica Grão-Pará


É uma Unidade  de Conservação  da natureza  que prima  pela  preservação  da  natureza  e  pela realização  de pesquisas científicas. Localizada à margem esquerda do Rio Amazonas no oeste do Estado  do  Pará, região  conhecida  como  Calha  Norte paraense (Região de Integração do Baixo Amazonas), abrange  quatro  municípios:  Oriximiná, Óbidos,  Alenquer e Monte Alegre e incorpora porções das  bacias  hidrográficas dos rios Maicuru, Curuá, Cuminapanema, Erepecuru, Trombetas e Mapuera. De  difícil  acesso, realizado  apenas  por  meio  de  pequenos aviões e helicópteros, a  Estação  Ecológica  do Grão-Pará, ou simplesmente ESEC Grão-Pará, apresenta elevado nível de preservação  de  seus  recursos   naturais,  formando   com   outras   Unidades   de   Conservação e terras indígenas da região, proporcionando assim, o fluxo  de  biodiversidade do corredor central da Amazônia ao corredor do Amapá.

A Unidade foi criada através do Decreto Estadual N° 2.609 de 04/12/2006 e abrange os municípios de Monte Alegre (3,44%), Oriximiná (75,89%), Alenquer (13,31%) e Óbidos (7,36%), em uma área de 4.245.819,11ha. No Município de Oriximiná limita ao Norte com Guiana (na TI Wai-Wai) e nos Municípios de Óbidos e Alenquer limita ao Norte com a TI Parque do Tumucumaque; ao Sul com a TI Trombetas-Mapuera, com a FLOTA de Trombetas, com a TI Zo’é e com a FLOTA Paru; a Leste com a TI Parque do Tumucumaque, no Município de Oriximiná, e nos Municípios de Alenquer e Monte Alegre limita com a TI Rio Paru D`Este e com a REBIO Maicuru; e a Oeste limita com o Estado de Roraima. Está integralmente localizada na Zona de Proteção Integral da Calha Norte Paraense, de acordo com a lei do Macrozoneamento Ecológico e Econômico (Lei Estadual N°6.745/2005). É a maior UC de Proteção Integral de florestas tropicais do planeta.

 Portaria Criação ESEC do Grão-Pará

 Portaria Aprovação PM ESEC Grão-Pará

Plano de Manejo ESEC Grão Pará Cartilha Resumo Executivo Anexos

Galeria de Imagens