Ideflor-bio apresenta metas de planejamento para o PPA 2020-2023

As metas de planejamento do Plano Plurianual para o quadriênio 2020-2023, instituído pela Lei nº 8.966 de 30 de dezembro de 2019, foram apresentadas aos diretores, gerentes e servidores do Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade do Estado do Pará (Ideflor-bio) em um evento realizado na manhã de hoje (03), na sede do Instituto em Belém.

Intitulado ‘Oficina de Nivelamento em Planejamento para o Plano Plurianual’, o evento foi organizado pelo Núcleo de Planejamento, Articulação Institucional e Projetos Especiais (Nuplan) do Ideflor-bio, visando esclarecer as ações e a metodologia do novo PPA, que inicia a partir deste ano. A oficina foi aberta pela presidente do Instituto, Karla Bengtson.

Os programas de ações elaborados pelas áreas finalísticas do órgão foram apresentados aos servidores, a exemplo das metas do Projeto PROSAF, criado e mantido pela Diretoria de Desenvolvimento da Cadeia Florestal (DDF); a elaboração de planos de manejo de Unidades de Conservação geridas pelo Instituto, entre outros.

Coordenadora do Nuplan, Patricia Miralha explicou que o objetivo da oficina foi dar ciência sobre todas as estratégias que envolvem o PPA, baseadas nas novas diretrizes do Governo do Estado. “Todas as diretorias precisam estar antenadas ao cumprimento das metas e, também, com o nosso compromisso de governo”, disse.

Na ocasião, os servidores também foram informados sobre as principais fontes de financiamento para desenvolver as ações; os municípios e as regiões de integração onde serão executadas as ações; as atividades inerentes a cada programa e suas respectivas ações. “O PPA é uma vitrine onde todo mundo tem conhecimento, onde se tem entrada de receita e despesas para a execução de todas essas metas”, ponderou a coordenadora.

Texto: Pryscila Soares – Assessoria de Comunicação do Ideflor-bio

Fotos: Kleber José / Ascom Ideflor-bio

Comentários estão desabilitados.