Agricultores familiares recebem mudas de plantas frutíferas na região Lago de Tucuruí

IDEFLOR-Bio e rede de parceiros entregam 1.750 mudas de cacau e açaí para comunidades de Tucuruí e Jacundá

A doação de mudas de plantas frutíferas na região do Mosaico Lago de Tucuruí, no Sudeste do Pará, uniu o Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade (Ideflor-Bio), Centrais Elétricas do Norte do Brasil S/A (Eletronorte), Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas), Associação de Moradores da Vila Quatro Bocas (Amvila) do município de Jacundá, Associação de Trabalhadores Rurais João Canuto – do município de Tucuruí – e Prefeitura Municipal de Jacundá, nos últimos dias 25 e 26.

Foram doadas 750 mudas de cacau (Theobroma cacao) e mil mudas de açaí (Euterpe Oleracea Mart.) para beneficiar cerca de 28 agricultores familiares – 20 em Tucuruí, na Comunidade João Canuto, e oito em Jacundá, nas comunidades da Vicinal 11 e Ilha do Bacurau.

Sustentabilidade – O presidente da Amvila, José Rubens Lima, agradeceu pela iniciativa. “As mudas chegam em boa hora, e vão para as mãos de agricultores comprometidos com a produção sustentável”, informou.

O presidente da Comunidade João Canuto, Raimundo Waldemir, ressaltou o trabalho em parceria com as instituições. “Recebemos a instalação do viveiro de mudas, o curso de capacitação para a produção de mudas de plantas regionais e, nessa semana, recebemos as mudas com quatro meses de desenvolvimento, fato que nos enche de esperança, pois produzir é acreditar na vida”, ressaltou.

Segundo o sociólogo Patrick Passos , do Ideflor-Bio, a ação ocorreu devido à integração entre as instituições parceiras e a gestão do Mosaico Lago de Tucuruí. De acordo Jossandra Pinheiro, gerente em exercício da Região Administrativa Tucuruí, apoiar a produção de mudas e sementes nas comunidades pertencentes ao Mosaico é acreditar que ações que visam ao reflorestamento geram benefícios coletivos e ajudam o desenvolvimento local.

Texto: Patricia Madrini (IDEFLOR-BIO)
Fotos: GRTUC (IDEFLOR-Bio)

Comentários estão desabilitados.