A Rota do Guarumã é uma ótima pedida para os amantes dos esportes de aventura e da vivência na natureza. Uma trilha de longo curso aberta pelo Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade (Ideflor-bio), a Rota tem cerca de 30km e, como diferencial, atravessa três Unidades de Conservação da Natureza paraenses: o Parque Estadual do Utinga, a Área de Proteção Ambiental Metropolitana de Belém e o Refúgio de Vida Silvestre Metrópole da Amazônia.

Além de atravessar as três UCs, os aventureiros também passarão por quatro municípios da região metropolitana de Belém: a capital e os municípios de Ananindeua, Marituba e Benevides. Mas a experiência por lá não poderia estar mais distante da urbana: o contato principal é com a exuberante natureza amazônica, que guarda riquezas raras e até ameaçadas de extinção quando o quesito é fauna e flora.

A floresta ombrófila densa, com mata primária e secundária é a principal fisionomia da Rota. Há também a mata de igapó, característica da Amazônia, com terrenos inundados, igarapés, rios e muita aventura.

O percurso atravessa também algumas comunidades tradicionais e ribeirinhas, como as comunidades de Nossa Senhora dos Navegantes. E como recompensa para os aventureiros, o sítio Bom Jesus é uma parada estratégica para alimentação e pernoite.

A Rota do Guarumã segue o padrão do Sistema Brasileiro de Trilhas de Longo Curso, criado pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e, portanto, é toda sinalizada com placas e marcações reconhecíveis nacionalmente.  Isso garante que a trilha, aberta por profissionais do turismo, condutores e voluntários, seja trafegável por visitantes de todo o país.

Unidades de Conservação – As três UCs integradas pela Rota do Guarumã apresentam diversas características que as tornam lugares ideais para o turismo de natureza. O Parque Estadual do Utinga, no coração de Belém, é uma área de quase 1400 hectares, com vegetação preservada que cresce ao redor e sob dois mananciais que abastecem cerca de 70% da população da Região Metropolitana de Belém, os lagos Bolonha e Água Preta. O Parque abriga mais de 300 espécies de plantas e 400 espécies de animais, entre aves, animais terrestres e aquáticos.

Já a APA Metropolitana de Belém é uma UC de uso sustentável que circunda o Parque do Utinga e dentro da qual são incentivadas ações de uso e convivência sustentável com os recursos naturais amazônicos. A APA integra o Parque Estadual do Utinga com o Refúgio de Vida Silvestre Metrópole da Amazônia, formando um corredor ecológico de cerca de 15 mil hectares de áreas protegidas. O Refúgio de Vida Silvestre protege além de sua exuberante fauna e flora amazônica, uma parcela da história da região, com resquícios históricos e arqueológicos que remontam o período escravocrata e dos engenhos na região. A Rota do Guarumã permite, além de muita aventura, o contato dos visitantes com o rico patrimônio natural e cultural da Amazônia.

Orientações gerais para a realização da Rota do Guarumã
 Shape da Rota do Guarumã em PDF

Mais informações:
visitacao.peut@ideflorbio.pa.gov.br

.

Confira abaixo sugestões de roteiro

Parque do utinga > Comunidade Nossa Senhora Dos Navegantes > Sítio Bom Jesus > Entorno do território quilombola do Abacatal > Entorno da Polícia Rodoviária Estadual > Refúgio Metrópole da Amazônia > Comunidade do Maravilha

Esse sentido é sinalizado com a logo da Rota do Guarumã em amarelo sob fundo preto + árvores “zebradas”, como mostra a imagem abaixo

Comunidade do maravilha > Refúgio Metrópole da Amazônia > Entorno da Polícia Rodoviária Estadual > Entorno do Território Quilombola do Abacatal > Sítio Bom Jesus > Comunidade Nossa Senhora dos Navegantes > Parque do Utinga

Esse sentido é sinalizado com a logo da Rota do Guarumã em preto sob fundo amarelo, como mostra a imagem abaixo

Empresas que operam a Rota do Guarumã

Amazônia Aventura
3286-8149
www.amazoniaaventura.com.br


Nós na Trilha
  98238-5212


Rumo Norte Expedições
 98802-5915 / 3225-5915


Sun e Fun
  98827-3827
www.circuitosunfun.com


Bio detox Aventura e Observação
98144-5551

Serviços ofertados ao longo da Rota

Casa da Ana – Ananindeua
Café da manhã (média R$ 10)
Almoço completo (média R$ 20)
Pernoite (valores a negociar)
(91) 99221-0112


Refúgio da Tânia – Revis Metrópole da Amazônia
Almoço completo (média R$ 15)
Sucos e Sobremesas
(91) 99223-2636


Barqueiro Rogério Silva – Comunidade Nossa Senhora do Navegante
Travessia do Igarapé do Aurá (valor a combinar)
Ponto de reabastecimento de água
Descanso
(91) 993739416


Barqueiro Gerson Santos – Comunidade Nossa Senhora do Navegante
Travessia de Igarapé (valor a combinar)
(91) 99331-8603