Investidores finlandeses oferecem ao Estado tecnologias inovadoras para proteção da biodiversidade amazônica

O intuito é colaborar com ações de proteção da biodiversidade por meio de soluções tecnológicas avançadas, como satélites, radares e demais equipamentos

Um encontro entre a comitiva de investidores da Finlândia com representantes do Estado, foi realizado na sede do Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade (Ideflor-Bio), na última quarta-feira (31). A reunião foi para oferecer soluções tecnológicas que auxiliem na proteção da biodiversidade amazônica. A delegação foi recepcionada pelo presidente do Ideflor-Bio, Nilson Pinto, e outros diretores do órgão ambiental do Governo do Pará.

Conduzida pelo diplomata do Ministério das Relações Exteriores, Unaldo Vieira de Souza, o encontro teve a participação de representantes de empresas finlandesas renomadas, como a Nokia, Iceye e a agência Business Finland. 

Durante a programação, eles apresentaram a gama de soluções tecnológicas avançadas que dispõem, como satélites, radares e demais equipamentos. É importante destacar que o país europeu é conhecido pela sua expertise em tecnologia e inovação, o que faz dela parceira estratégica à manutenção do bioma e, também, o desenvolvimento sustentável da região amazônica.

Na ocasião, foram apresentados alguns projetos que estão em andamento pelo Instituto, como estudos para a criação de novas Unidades de Conservação, os desafios para garantir o monitoramento e a proteção da biodiversidade amazônica, e a restauração de áreas degradadas por meio dos Sistemas Agroflorestais (SAFs).

Vale reforçar que com o anúncio de Belém como sede da Conferência das Partes sobre Mudanças Climáticas, a COP-30, em novembro de 2025, trouxe ainda mais notoriedade para a região. Nos últimos tempos, diversas entidades nacionais e internacionais estão voltando seu olhar para a capital paraense e, principalmente, para a Amazônia, com o intuito de colaborar com as ações de sustentabilidade do Estado.

Entusiasmo – Nilson Pinto destacou que a visita é importante pois reforça a colaboração internacional para a preservação da Amazônia. “A parceria com empresas finlandesas e a utilização de soluções tecnológicas avançadas são fundamentais para o fortalecimento das ações de proteção e conservação da biodiversidade amazônica. Estamos entusiasmados em receber essa comitiva e discutir possibilidades de colaboração”, afirmou o presidente do Ideflor-Bio.

Os investidores finlandeses demonstraram interesse em contribuir com o desenvolvimento sustentável da região. Eles também reconheceram a importância da Amazônia para o equilíbrio ambiental global e aproveitaram o momento para destacarem a necessidade de investimentos em tecnologia e inovação para aprimorar o monitoramento e a proteção da biodiversidade, visando a conservação dos recursos naturais.

Para Crisomar Lobato, com a expectativa de mais colaborações internacionais, o Pará reforça seu compromisso com a proteção ambiental e a busca por soluções inovadoras para enfrentar os desafios da preservação desse ecossistema tão importante: a Amazônia. “A parceria entre o Ideflor-Bio e as empresas multinacionais pode trazer avanços significativos para a conservação da floresta amazônica e contribuir para um futuro mais sustentável”, enfatizou o diretor de Gestão da Biodiversidade do Instituto.

Artigos Recentes
Notícias
Vinicius

Estudo De Recategorização Uc Salvaterra

O Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade (Ideflor-Bio) informa que, nesta quinta-feira (15), chega ao fim o segundo período do defeso do caranguejo-uçá, uma espécie muito importante para os

Saiba mais...
Rolar para cima
Pular para o conteúdo